Roteiro de Compras II

4.11.12 •♥ Sra. N ♥• 9 Comments

Postagem sobre roteiro de compras de SP de itens de casa, fez sucesso... resolvi então compartilhar mais umas dicas, mas agora para vestuário.

Muita gente vem para São Paulo para comprar roupas no Brás para revender ou para usar, até quem é de SP faz isso muitas vezes, pela diversidade e pela economia. Afinal, aquela roupa que vende no shop vc acha que veio de onde?!

Pois é...

São em locais diferentes, mas temos duas principais ruas de compras de vestuário:

Rua Oriente - não vou colocar referência de número, pois tudo vai depender da sua forma de chegar lá. Opção de transporte, tem a Estação Brás, vc desembarca, atravessa pelo Largo da Concórdia e é só pedir indicação da Rua Oriente.

Segunda opção é o carro, eu costumo ir pela Av. do Estado, sigo por ela mesmo depois do mercadão (sentido santana), logo depois dela vem a Rua Santa Rosa (que falei na postagem anterior), o pontilhão do trem, e logo depois a próxima travessa a direita, é a Rua São Caetano, é só entrar nela, dobrar a direita no final que vc chega a Rua Oriente. Se continuar pela Monsenhor tem estacionamento na rua sem saída... mas chegue cedo, pois estacionamentos são poucos e lotam, e a Rua é Zona Azul.

Não tem jeito, ali é bater perna pelas travessas... os mais dispostos andam tudo, Oriente, Miller, Maria Marcolina... vai o dia todo nisso... Mas garanto boas compras...

Não tem muito "guia", é ir andando mesmo e descobrindo.

Rua José Paulino(Para os íntimos ZÉPA), essa eu recomendo vá de Metrô!, desembarque na Estação Luz, e siga as plaquinhas ou peça informação para os seguranças.

Saindo de frente com o parque da luz, é só andar a esquerda, atravessar o farol e começar a descer a rua levemente a direita... essa já é a Zépa, tb não tem muito guia, é descer por uma calçada, e subir pela outra, assim verá tudo.

O quarteirão próximo da Rua Julio conceição é onde ficam mais lojas de roupas de festa. Mas muitas outras do começo também tem.

*** se serve a dica, esse passeio tb pode ser cultural se vc estiver "disposto", pois tem a Estação da Luz para conhecer, encostado nela o Museu da Língua Portuguesa, do outro lado da rua o Parque da Luz, onde recentemente foi redescoberto um aquário que estava soterrado. E ao lado do Parque a Pinacoteca

OBS: algumas lojas tem provador, outras não mas deixam provar por cima da roupa que você está vestindo, então sugiro que você vá com top de ginástica e calça de ginástica e um camisetão por cima para retirar e provar a roupa. Chinelinho de dedo tb é bem vindo!

=&=&=

Loja Textil Abril - fica na região perto da rua Oriente/Brás, com a vantagem de ter cama, mesa, banho, masculino, feminino e infantil numa mesma loja, com direito a ar condicionado, sombra e lanchonete. E tem estacionamento ou transporte grátis do metrô já fiz algumas compras lá, e de domingo que tem menos trânsito pra chegar. 

Tb não deixam provar, mas se tiver com algo justo ao corpo, pode provar por cima.

=&=&=
Já fiz muita compra de roupa de festa na Zépa, antigamente na CRACOLÂNDIA, existia a antiga rodoviária de São Paulo, quando a rodoviária foi desativada, dentro dela um monte de lojas se instalou, e tinha muito vestido de festa bom e barato....até que demoliram pra criar a "nova luz"

MASSSS, no último casório que fui, queria um longuete, e fui conhecer uma outra loja só disso:


Feira do Vestido de Festa - nome estranho pra uma loja né? http://www.feiradovestidodefesta.com.br/home.htm Pensa numa loja com vestido de festa de ponta a ponta, do teto ao chão? organizada por tamanhos, cores e estampas?

Não é sonho, é real, e pode provar... 

O atendimento é impecável. Você precisa esperar por uma vendedora (quando tem muita gente, alguém controla pela ordem da chegada das clientes). Essa vendedora pergunta seu tamanho, se quer estampado ou liso, se tem preferência de cor e te mostra alguns. Se você for indecisa, ela te mostra pendurado as opções as que vc escolher ela leva ao provador e se vc quiser te ajudar a vestir e tirar.

Os preços são ótimos, comparados ao aluguel, e aos de outras lojas, parcelam, e assim que vc dá ok, o vestido volta la pra dentro, pra alguém olhar se não tem defeito ou mancha nenhuma e te entregam ele passadinho. É MUITO BOM!


Shopping D
Também é uma opção para compra de roupa de festa com preços não tão caros, mas depois que descobri a Feira do Vestido de Festa, nem perco tempo nesse Shopping não...rs

=&=&=
Agora, indo para o bairro, tem uma antiga loja no Cambuci, que desde que me conheço por gente ela existe. Carinhosamente a chamamos de "Loja do Saco", pois antigamente eles não tinham sacolas, e as compras eram tão grandes que eram embaladas em sacos pretos iguais de lixo.

Mas ela tem nome, se chama Granatahttp://www.granata.com.br/e tem moda feminina (MUITA), Masculina, infantil, festas e SOCIAL para trabalhar. 

E tem dois detalhes únicos do local, horário de abertura da loja é sempre 12:00 (meio dia), seja dia de semana ou sábado, somente à partir do meio dia abrem as portas.

E existe provador, mas é coletivo e SEM privacidade nem cortininhas, todo mundo se troca na frente de todo mundo (salvo se isso tiver mudado do tempo que não vou lá!).

E nessa loja existe o fator "sorte" tem dias que tem muita coisa, tem dias que nada agrada.

Mas se serve de prêmio extra, do outro lado da rua tem um loja chamada M & Y que tb tem opções de modinha e algumas de festa no andar superior.

E OBS: Dizem que na Praça da Árvore, a loja Lírio http://lojalirio.blogspot.com.br/  também tem mesmo tipo de roupa e funcionamento que a Granata, com a vantagem de ter Metrô pertinho - mas nunca fui...rs

Espero que esse roteiro ajude quem não conhece, a se alguém tiver dicas para dar, são bem vindas, afinal SP é enorme, e pode ser que vc conheça algum bom lugar de compras que nós não fazemos ideia de existir, e seria muito bom compartilhar né?

Não to ganhando nada de nenhuma loja para falar sobre ok!?

9 comentários:

  1. Nem fale em shoppijgnD rsrs eu e minha sogra sempre que vamos a Samoa passamos por lá rs, adorei as dicas, quando for a sp levo impresso esse post comigo rsrs beijis

    ResponderExcluir
  2. Jesussssssssssssssssssssssssss! Vou para SAMPA correndo. Eu amo esse blog, sabe aquele ditado " mata a cobra e mostra o pau"? Tudo aqui é completo, com todas as dicas. Obrigada. bj.

    ResponderExcluir
  3. To adorando essas dicas!
    Aqui o pessoal costuma a formar van e ir com muita gente, mas fica muito cansativo...

    Boa semana
    Bjo Bjo

    ResponderExcluir
  4. Oi Sra. N !

    Uau, adorei as dicas! Ainda mais para mim que há séculos não vou a Sampa! Vou guardar em arquivo direitinho para não perder. Obrigado.

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  5. Tem essa loja aqui que costuma ter umas coisas de malha baratas, roupas da Hering, etc: http://portogallo.com.br/
    Eu costumava ir também no shopping SP Market, algumas lojas lá tinham esquema "outlet", não sei se ainda é assim.
    E agora tem também o outlet premium, próximo ao hopi hari. Fui uma vez e consegui comprar umas coisinhas com preço bom! Não é só loja importada, tem lojas nacionais também com promoções, mas tem que ir com disposição pra olhar tudo, provar, pegar fila no caixa. Mas o estacionamento é grátis e é relativamente perto de SP.

    ResponderExcluir
  6. Senhora Ene, acho que a gente já deve ter se cruzado em alguns desses locais, rs! O único lugar que eu não conheço é a feira do vestido de festa. Até da Granata vulgo loja do pobre, vc falou....Vc é das minhas, não tem distância né??? Adoro bater perna e se o preço for baixinho, melhor ainda. Adorei as dicas :)

    ResponderExcluir
  7. Senhora Ene, acho que a gente já deve ter se cruzado em alguns desses locais, rs! O único lugar que eu não conheço é a feira do vestido de festa. Até da Granata vulgo loja do pobre, vc falou....Vc é das minhas, não tem distância né??? Adoro bater perna e se o preço for baixinho, melhor ainda. Adorei as dicas :)

    ResponderExcluir
  8. Adorei seu roteiro de compras, alguns lugares eu conheço, outros não...

    Faz pouco tempo que fui na Textil Abril e tem provador sim...

    Bjs!
    Cris

    ResponderExcluir
  9. Ahh, vou direto na Lírio da Praça da Árvore, hoje em dia os provadores não são mais coletivos, e posso falar a verdade?? Preferia antes kkk é bom que a mulherada uma já dá palpite na roupa da outra, e às vezes vemos alguém experimentando uma peça bonita que não tinhamos reparado na loja, e por ai vai. Adorei as dicas. Bjs

    ResponderExcluir